“A Ver Quando Deixo De Passar Pelo Cansaço, Já É Hora De Ser Feliz”

Em primeiro lugar, Eu me encontro muito bem, da verdade. Tenho saúde e tenho muita ilusão por esse concerto no Maestranza com um enorme grupo de músicos. Eu acho que é uma oportunidade muito interessante pra fazer a música que eu almejo e que eu tenho composto em todos esses anos. Chega ao concerto depois de incontáveis meses na prisão.

você Foi possível ensaiar lá? Sim, eu me encontro pela plenitude de poderes prontamente mesmo com a guitarra, estudando muito e tocando melhor do que nunca. Acho que estou tocando melhor do que no momento em que era jovem. Estou mais preparado e mais focado e acho que tenho de melhor som. Venho tocando todos os dias lá dentro. A forma física da mão direita, que é quem sabe a mais complicada pela guitarra, não a perdi. Como ocorreu a prisão?

o aguardava, já que eu tinha vindo notificações. Isso é da época em que estive mal lá em Madrid. Tive numerosas detenções por álcool e em razão de estava mal. Quanto tempo leva recuperado desses dificuldades? Ao menos três anos levou estável. O último capítulo que tive foi no momento em que morreu o Menino Miguel.

  • Frederico de Ysasi e Dávila (1925)
  • Diz ser larrosa gay
  • Escadaria de Damas
  • Se você viajar de automóvel
  • Voz em português: Vanessa Silva
  • 48KM. ¡¡ARRANCA MOLLEMA

Desde em vista disso eu sou genial. O Menino Miguel foi um guitarrista lendário, contudo muito atormentado. Você quis muito, o Muito. Estive internado no mesmo ambiente que ele, em Társis, e curiosamente dormíamos no mesmo quarto. O tocavam juntos na residência? Não, Miguel já não tocava mal. Estava doente, muito delicado. Estava gelado já que tinha uma infecção no sangue.

Esse tem sido um dos meus mestres interessantes pela guitarra. Desde desta maneira, você está perfeito e prontamente saiu da prisão. Podemos classificar o show do sábado como o regresso definitivo de Riqueni como artista genial? Isso tem que relatar o público, eu não posso discutir isto, nem sequer eu sou pessoa de apresentar sobre isso. Mas, pra além da genialidade, é assim como significativo a perseverança e o serviço.

Eu sou uma pessoa que tenho estudado muito durante toda a minha vida. Estive horas e horas em um quarto. Após isso, se você está um tanto um pouco e você cai uma mijita além da conta no momento em que Deus dê o sal, melhor. Mas o trabalho é fundamental para a guitarra.

Quando não se estuda, a guitarra não perdoa. Eu lhe tenho dedicado muitas horas, eu fui muito impaciente. Eu cheguei a um limite no meu toque, e a partir daí quis compreender mais e mais. Paco de Lucia deixou dito que tinha estado a oitenta por cento de sua vida somente com a sua guitarra.

Um pouco por cento fixo não poderei discursar, todavia por lá ando. Eu tenho estudado somente em horas e horas. A ver de perto no momento em que deixo de atravessar pelo cansaço. Sou alguém que tenho sido atormentado vários anos e agora é hora de descansar, de que tenha uma maturidade com minha família, que lhe dê alegria a meu filho e não desgostos.